www.bigoo.wswww.bigoo.wswww.bigoo.wswww.bigoo.wswww.bigoo.wswww.bigoo.wswww.bigoo.wswww.bigoo.wswww.bigoo.wswww.bigoo.ws




DIA 24 DEZEMBRO PELAS 21H LOCAIS (1h a mais no Continente português e Madeira), MISSA DO GALO, EM DIRECTO DA IGREJA DO MONTE, NA CANDELÁRIA DO PICO. ACOMPANHE-NOS EM www.montetabor.blogs.sapo.pt
Quarta-feira, 2 de Abril de 2008

4ª Feira, 2 de Abril - II Domingo - II Saltério

1ªLeitura (Actos dos Apóstolos 5,17-26)



Surgiu, então, o Sumo Sacerdote com todos os seus sequazes, isto é, o partido dos saduceus; encheram-se de inveja e deitaram as mãos aos Apóstolos, metendo-os na prisão pública.

Mas, durante a noite, o Anjo do Senhor abriu as portas da prisão e, depois de os ter conduzido para fora, disse-lhes: «Ide para o templo e anunciai ao povo a Palavra da Vida.»

Obedientes a essas ordens, entraram no templo de manhã cedo e começaram a ensinar. Entretanto, chegou o Sumo Sacerdote com os seus sequazes; convocaram o Sinédrio e todo o Senado dos filhos de Israel e mandaram buscar os Apóstolos à cadeia.

Os guardas foram lá, mas não os encontraram na prisão e voltaram, declarando: «Encontrámos a cadeia fechada com toda a segurança e os guardas de sentinela à porta, mas, depois de a abrirmos, não encontrámos ninguém no interior.»

Esta notícia pôs os sumos sacerdotes e o comandante do templo numa grande perplexidade acerca dos Apóstolos, e perguntavam a si próprios o que poderia significar tudo aquilo.

Veio, então, alguém comunicar-lhes: «Os homens que metestes na prisão estão agora no templo a ensinar o povo.»

O comandante do templo dirigiu-se imediatamente para lá com os guardas e trouxe os Apóstolos, mas não à força, pois receavam ser apedrejados pelo povo.




Evangelho (João 3,16-21)



Tanto amou Deus o mundo, que lhe entregou o seu Filho Unigénito, a fim de que todo o que nele crê não se perca, mas tenha a vida eterna.

De facto, Deus não enviou o seu Filho ao mundo para condenar o mundo, mas para que o mundo seja salvo por Ele.

Quem nele crê não é condenado, mas quem não crê já está condenado, por não crer no Filho Unigénito de Deus.

E a condenação está nisto: a Luz veio ao mundo, e os homens preferiram as trevas à Luz, porque as suas obras eram más.

De facto, quem pratica o mal odeia a Luz e não se aproxima da Luz para que as suas acções não sejam desmascaradas.

Mas quem pratica a verdade aproxima-se da Luz, de modo a tornar-se claro que os seus actos são feitos segundo Deus.»

 

 

  

A PALAVRA HOJE

 

Estamos em tempo de pregação – Kerigma, ou anúncio da mensagem mais intrigante e ao mesmo tempo fascinante da humanidade – o Evangelho da vida de Jesus, Morto e Ressuscitado verdadeiramente.

Os Apóstolos sofrem por causa de Jesus, mas não desistem, não se afrouxam no medo, nem muda de conversa! Mantêm-se firmes e perseverantes em Jesus e nas suas promessas. Nada fácil, para a altura!

Mas com Deus fazemos proezas, sempre!

É um apelo para a nossa confiança em tudo aquilo que fazemos; temos de agir em confiança no nosso Deus e em nós mesmos, pois temos a divindade também em nós, e é urgente potencializá-la para o bem dos outros e consequentemente nosso próprio bem!

O Evangelho parece uma ameaça, mas não é! Evangelho é boa nova. Afinal Jesus encarnou e assumiu a Santa Paixão por nós, por Amor, não para depois se “vingar” dos incrédulos.

A lição apresentada é uma norma para vivermos plenamente o projecto total sonhado por Deus, para nós.

Se não agimos no bem, ao exemplo de Jesus, mesmo naqueles momentos que parecem ultrapassar as nossas forças, permanecemos na faísca mínima da grandeza da nossa existência.

Quem não crê já está condenado! A quê? A uma vida sem sentido, simplória, desprovida de razões e esperanças profundas e verdadeiras.

Não ao Inferno, senão e a nossa liberdade?!

Fomos redimidos, salvos, pelo amor, como nos diz o Papa na Encíclica Spe Salvi.

É necessário activarmos em nós a experiência do amor, mas do amor verdadeiro, total, sem limites, que não se prende a mesquinhices, a coisas vãs deste mundo, á beleza, ao materialismo, ao ter sucesso, aos defeitos. Nada disso! Amar com tudo isso, em nós e nos outros, mas querendo sempre mais amor, e amis amor de forma plena, não ao jeito de amar do mundo.

Sejamos corajosos, e ponhamos mãos á obra!

* às 16:03

Copyright © 2007 XtoPalavra / Todos os direitos reservados

DIOCESE DE ANGRA

Portugal - Açores

 



+Liturgia desta semana

+ Fidelidade ao Evangelho -...

+ A pessoa é o mais importa...

+ SOLENIDADE DE TODOS OS SA...

+ SOLENIDADE DO SANTÍSSIMO ...

+ SANTÍSSIMA TRINDADE - ANO...

+ O MESSIAS - 6ª feira IX T...

   

Facebook   MySpace     Twitter

 

     

You Tube   Newsletter     CEP

 

    

    Hi5      Messenger   Picassa

 

         

  Ajuda          RSS      Rádio XTO



<p style="text-align: center"><img style="border-left-color: black; border-bottom-color: black; width: 127px; border-top-color: black; height: 52px; border-right-color: black" height="58" width="159" border="0" alt="" src="http://fotos.sapo.pt:80/30u74ZmEU3rEKLHpw4Gu/s320x240" /></p>

3D Imenu in blue Preview





Recebemos este

presente, recomendado

por Ecclesia Dei.

Obrigado João,

Deus lhe abençõe!