www.bigoo.wswww.bigoo.wswww.bigoo.wswww.bigoo.wswww.bigoo.wswww.bigoo.wswww.bigoo.wswww.bigoo.wswww.bigoo.wswww.bigoo.ws




DIA 24 DEZEMBRO PELAS 21H LOCAIS (1h a mais no Continente português e Madeira), MISSA DO GALO, EM DIRECTO DA IGREJA DO MONTE, NA CANDELÁRIA DO PICO. ACOMPANHE-NOS EM www.montetabor.blogs.sapo.pt
Sexta-feira, 7 de Março de 2008

7 de Março - IV Quaresma - SS.Perpétua e Felicidade, mártires (MF)

I Leitura (Sabedoria 2,1.12-22).


Dizem, com efeito, nos seus falsos raciocínios: «Breve e triste é a nossa vida, não há remédio algum quando chega a morte. E também não se conhece ninguém que tenha regressado do mundo dos mortos.

Armemos laços ao justo porque nos incomoda, e se opõe à nossa forma de actuar. Censura-nos as transgressões da Lei, acusa-nos de sermos infiéis à nossa educação.

Ele afirma ter o conhecimento de Deus e chama-se a si mesmo filho do Senhor!

Ele tornou-se uma viva censura para os nossos pensamentos; só o acto de o vermos nos incomoda, pois a sua vida não é semelhante à dos outros e os seus caminhos são muito diferentes.

Ele considera-nos como escória e afasta-se dos nossos caminhos como de imundícies. Declara feliz a sorte final do justo e gloria-se de ter a Deus por pai.

Vejamos, pois, se as suas palavras são verdadeiras, e que lhe acontecerá no fim da vida.

 Porque, se o justo é filho de Deus, Deus há-de ampará-lo e tirá-lo das mãos dos seus adversários.

Provemo-lo com ultrajes e torturas para avaliar da sua paciência e comprovar a sua resistência.

Condenemo-lo a uma morte infame, pois, segundo ele diz, Deus o protegerá.»

Estes são os seus pensamentos, mas enganam-se porque os cega a sua malícia.

Ignoram os desígnios secretos de Deus, não esperam a recompensa da piedade e não acreditam no prémio reservado às almas simples.




Evangelho (João 7,1-2.10.25-30).

Depois disto, Jesus continuava pela Galileia, pois não queria andar pela Judeia, visto que os judeus procuravam matá-lo.
Estava próxima a festa judaica das Tendas.

Contudo, depois de os seus irmãos partirem para a festa, Ele partiu também, não publicamente, mas quase em segredo.

Então, alguns de Jerusalém comentavam: «Não é este a quem procuravam, para o matar?

Vede como Ele fala livremente e ninguém lhe diz nada! Será que realmente as autoridades se convenceram de que Ele é o Messias?

Mas nós sabemos donde Ele é, ao passo que, quando chegar o Messias, ninguém saberá donde vem.»

Entretanto, Jesus, ensinando no templo, bradava: «Então sabeis quem Eu sou e sabeis donde venho?! Pois Eu não venho de mim mesmo; há um outro, verdadeiro, que me enviou, e que vós não conheceis.

Eu é que o conheço, porque procedo dele e foi Ele que me enviou.»

Procuravam, então, prendê-lo, mas ninguém lhe deitou a mão, pois a sua hora ainda não tinha chegado.

 

 

 

A PALAVRA HOJE

 

Uma vez mais, a Lei a “cegar” os olhos do coração. Para a mentalidade da época, o Messias teria de surgir de um lugar onde ninguém conhecesse. Ora, esse Jesus é de Nazaré, nós conhecemos a sua gente, como pode dizer que é o Messias?!

Apesar dos seus maus pensamentos, Jesus não teme em prosseguir com a sua missão, prega e opera sinais, para que tudo se cumpra, consoante a vontade do Pai.

Mas nós sabemos donde Ele é, ao passo que, quando chegar o Messias, ninguém saberá donde vem.»

A maldade e a fixação desmedida á Lei é que falam nestas palavras. Porque uns acreditaram mas outros estavam demasiadamente ofuscados pela sua natureza humana. A luz de Jesus era tanta para os olhos humanos, que ofusca. Se não for pela acção do Espírito Santo, Médico das almas, não conseguimos descobrir em Jesus o Messias esperado.

É preciso aderir de coração sincero, na totalidade, com convicção; não basta querer sinais e milagres e depois não agradecer nem sequer manter-se fiel e anunciar. A estes, é difícil viver a plenitude da alegria de Jesus.

Quem tudo sabe, tudo ignora, é o que acontece com estes que julgavam saber tudo acerca de Jesus. Confundiram-se! Perderam o seu precioso momento de vida eterna…

A mesquinhice humana é crassa. Precisamos ter cuidado com aquilo que depositamos em nossos corações, porque aquilo que lá se encontra, pelas nossas mãos se realiza.

Coração saudável, acções construtivas…coração empedernido, acções destrutivas.

Purifiquemos os nossos corações, fazendo uma “limpeza geral”, através de um bom exame de consciência e ponhamos mãos á obra…afinal, ainda há lugar para o Banquete.

* às 07:00

Copyright © 2007 XtoPalavra / Todos os direitos reservados

DIOCESE DE ANGRA

Portugal - Açores

 



+Liturgia desta semana

+ Fidelidade ao Evangelho -...

+ A pessoa é o mais importa...

+ SOLENIDADE DE TODOS OS SA...

+ SOLENIDADE DO SANTÍSSIMO ...

+ SANTÍSSIMA TRINDADE - ANO...

+ O MESSIAS - 6ª feira IX T...

   

Facebook   MySpace     Twitter

 

     

You Tube   Newsletter     CEP

 

    

    Hi5      Messenger   Picassa

 

         

  Ajuda          RSS      Rádio XTO



<p style="text-align: center"><img style="border-left-color: black; border-bottom-color: black; width: 127px; border-top-color: black; height: 52px; border-right-color: black" height="58" width="159" border="0" alt="" src="http://fotos.sapo.pt:80/30u74ZmEU3rEKLHpw4Gu/s320x240" /></p>

3D Imenu in blue Preview





Recebemos este

presente, recomendado

por Ecclesia Dei.

Obrigado João,

Deus lhe abençõe!