www.bigoo.wswww.bigoo.wswww.bigoo.wswww.bigoo.wswww.bigoo.wswww.bigoo.wswww.bigoo.wswww.bigoo.wswww.bigoo.wswww.bigoo.ws




DIA 24 DEZEMBRO PELAS 21H LOCAIS (1h a mais no Continente português e Madeira), MISSA DO GALO, EM DIRECTO DA IGREJA DO MONTE, NA CANDELÁRIA DO PICO. ACOMPANHE-NOS EM www.montetabor.blogs.sapo.pt
Segunda-feira, 24 de Novembro de 2008

SS André Dung Lac e companheiros mártires - Ano A

LEITURA I                                                Ap 14, 1-3.4b-5

 

 

«Tinham gravados na fronte o nome do Cordeiro e o nome de seu Pai»

 

Eu, João, vi o Cordeiro de pé, no monte Sião. Com Ele estavam os cento e quarenta e quatro mil que tinham gravados na fronte o nome do Cordeiro e o nome de seu Pai. E ouvi uma voz, vinda do Céu, semelhante ao fragor de águas caudalosas e ao ribombar de forte trovão; mas a voz que eu ouvi era também semelhante ao som de harpistas, tocando as suas harpas. Entoavam um cântico novo diante do trono e na presença dos quatro Seres Vivos e dos Anciãos. Ninguém podia aprender esse cântico, senão os cento e quarenta e quatro mil que foram resgatados da terra. São aqueles que seguem o Cordeiro para onde quer que Ele vá. Foram resgatados de entre os homens como primícias oferecidas a Deus e ao Cordeiro. Na sua boca nunca se encontrou mentira: são irrepreensíveis.

 

Palavra do Senhor

 

 

 

EVANGELHO                                                                  Lc 21, 1-4

 

 

«Viu uma viúva muito pobre deitar duas pequenas moedas»

Naquele tempo, Jesus levantou os olhos e viu os ricos deitarem na arca do Tesouro as suas ofertas. Viu também uma viúva muito pobre deitar duas pequenas moedas. Então Jesus disse: «Em verdade vos digo: Esta viúva pobre deu mais do que todos os outros. Todos eles deram do que lhes sobrava; mas ela, na sua penúria, ofereceu tudo o que possuía para viver».


Palavra da salvação

 

 

 

&  V I V E R    D A    P A L A V R A

 


Não é o muito que damos ou fazemos que alcança do céu as graças pedidas.

Não é o orgulho e a cegueira do coração que fazem a boa acção. Ilusão de quem pensa assim!

Olhemos o Evangelho e tiremos a prova dos nove

Agrada e sempre agradará ao Senhor a verdade daqueles que se apresentam diante de si, de mãos vazias ou cheias, com muita coisa boa ou não, mas é aquilo que têm. Para nós, seres humanos frágeis e pecadores, habituados á grandeza e á soberba dos actos, não é nada, mas ao olhos do Senhor, que do pouco faz maravilhas, e do “nada” faz a bênção querida, o que conta é a sinceridade, a nudez do crente perante a verdade de si mesmo, isto é, saber doar-se a Ele e aos outros, naquilo que é e tem de mesmo seu.

Santo Agostinho diria isso numa expressão tão verdadeira, quanto intrigante: “a única coisa que temos mesmo nossa é o pecado…o resto é dom de Deus!”.

Palavras tão sábias, que desconcertam qualquer soberba ou vontade de engano.

Digo muitas vezes e reflicto comigo mesmo que, podemos nos enganar uns aos outros, mas a Deus, ninguém engana!

Reflictamos bem na verdade de nós mesmos, e não tenhamos medo de perceber e aceitar aquilo que somos, porque Deus conhece-nos melhor que nós mesmos. Tenhamos a coragem e a confiança de dar este pequeno-grande passo, na nossa caminhada espiritual.

Boa semana!

 

* às 15:13

Copyright © 2007 XtoPalavra / Todos os direitos reservados

DIOCESE DE ANGRA

Portugal - Açores

 



+Liturgia desta semana

+ Fidelidade ao Evangelho -...

+ A pessoa é o mais importa...

+ SOLENIDADE DE TODOS OS SA...

+ SOLENIDADE DO SANTÍSSIMO ...

+ SANTÍSSIMA TRINDADE - ANO...

+ O MESSIAS - 6ª feira IX T...

   

Facebook   MySpace     Twitter

 

     

You Tube   Newsletter     CEP

 

    

    Hi5      Messenger   Picassa

 

         

  Ajuda          RSS      Rádio XTO



<p style="text-align: center"><img style="border-left-color: black; border-bottom-color: black; width: 127px; border-top-color: black; height: 52px; border-right-color: black" height="58" width="159" border="0" alt="" src="http://fotos.sapo.pt:80/30u74ZmEU3rEKLHpw4Gu/s320x240" /></p>

3D Imenu in blue Preview





Recebemos este

presente, recomendado

por Ecclesia Dei.

Obrigado João,

Deus lhe abençõe!