www.bigoo.wswww.bigoo.wswww.bigoo.wswww.bigoo.wswww.bigoo.wswww.bigoo.wswww.bigoo.wswww.bigoo.wswww.bigoo.wswww.bigoo.ws




DIA 24 DEZEMBRO PELAS 21H LOCAIS (1h a mais no Continente português e Madeira), MISSA DO GALO, EM DIRECTO DA IGREJA DO MONTE, NA CANDELÁRIA DO PICO. ACOMPANHE-NOS EM www.montetabor.blogs.sapo.pt
Sexta-feira, 30 de Maio de 2008

SOLENIDADE DO SAGRADO CORAÇÃO DE JESUS

1ª LEITURA

Deuteronómio 7,6-11

 

Tu és um povo consagrado ao Senhor, teu Deus. Na verdade, o Senhor, teu Deus, escolheu-te para seres para Ele um povo particular entre todos os povos que há sobre a face da terra.»

«Não foi por serdes mais numerosos que outros povos que o Senhor se agradou de vós e vos escolheu; vós até éreis o mais pequeno de todos os povos.

Porque o Senhor vos ama e é fiel ao juramento que fez a vossos pais, por isso, é que, com mão forte, vos tirou e vos salvou da casa da servidão, da mão do faraó, rei do Egipto.

Reconhece, pois, que o Senhor, teu Deus, é que é Deus, o Deus fiel, que mantém a aliança e a bondade para com os que o amam e observam os seus mandamentos até à milésima geração.

Ele castiga, porém, a cada um dos seus inimigos, fazendo-os perecer; não tardará em dar castigo a cada um dos que o odeiam.

Observarás, pois, os mandamentos, as leis e os preceitos, que Eu hoje te mando pôr em prática.

 




SALMO

103(102),1-2.3-4.6-7.8.10



Bendiz, ó minha alma, o SENHOR,

e todo o meu ser louve o seu nome santo.


Bendiz, ó minha alma, o SENHOR, e não esqueças nenhum dos seus benefícios.


Ele quem perdoa as tuas culpas e cura todas as tuas enfermidades.


Ele quem resgata a tua vida do túmulo e te enche de graça e de ternura.


SENHOR defende, com justiça, o direito de todos os oprimidos.


Revelou os seus caminhos a Moisés e as suas maravilhas aos filhos de Israel.


SENHOR é misericordioso e compassivo, é paciente e cheio de amor.


Não nos tratou segundo os nossos pecados, nem nos castigou segundo as nossas culpas.





 

 

 

 

 

2ª LEITURA

1ª João 4,7-16

 

Caríssimos, amemo-nos uns aos outros, porque o amor vem de Deus, e todo aquele que ama nasceu de Deus e chega ao conhecimento de Deus.

Aquele que não ama não chegou a conhecer a Deus, pois Deus é amor.

E o amor de Deus manifestou-se desta forma no meio de nós: Deus enviou ao mundo o seu Filho Unigénito, para que, por Ele, tenhamos a vida.

É nisto que está o amor: não fomos nós que amámos a Deus, mas foi Ele mesmo que nos amou e enviou o seu Filho como vítima de expiação pelos nossos pecados.

Caríssimos, se Deus nos amou assim, também nós devemos amar-nos uns aos outros.

A Deus nunca ninguém o viu; se nos amarmos uns aos outros, Deus permanece em nós e o seu amor chegou à perfeição em nós.

Damos conta de que permanecemos nele, e Ele em nós, por nos ter feito participar do seu Espírito.

Nós o contemplámos e damos testemunho de que o Pai enviou o seu Filho como Salvador do mundo.

Quem confessar que Jesus Cristo é o Filho de Deus, Deus permanece nele e ele em Deus.

Nós conhecemos o amor que Deus nos tem, pois cremos nele. Deus é amor, e quem permanece no amor permanece em Deus, e Deus nele.




Evangelho

Mateus 11,25-30



Naquela ocasião, Jesus tomou a palavra e disse: «Bendigo-te, ó Pai, Senhor do Céu e da Terra, porque escondeste estas coisas aos sábios e aos entendidos e as revelaste aos pequeninos.

Sim, ó Pai, porque isso foi do teu agrado.

Tudo me foi entregue por meu Pai; e ninguém conhece o Filho senão o Pai, como ninguém conhece o Pai senão o Filho e aquele a quem o Filho o quiser revelar.»

«Vinde a mim, todos os que estais cansados e oprimidos, que Eu hei-de aliviar-vos.

Tomai sobre vós o meu jugo e aprendei de mim, porque sou manso e humilde de coração e encontrareis descanso para o vosso espírito.

Pois o meu jugo é suave e o meu fardo é leve.»

 

 

 

A PALAVRA HOJE

 

 

A Igreja alegra-se com a Solenidade do Sagrado Coração de Jesus.

Festejamos o coração, precisamente porque é ele o responsável pela parte vital do nosso corpo, é nele que estão os sentimentos mais nobres do ser humano; é por ele que pulsa o sangue para todo o corpo.

Vejamos agora, se celebramos o Coração de Jesus, e temos em mente o que nos diz a 2ªLeitura, percebemos o porquê da Solenidade de hoje.

Jesus, que se entregou por cada um de nós - porque, sendo a culpa de Adão cometida contra uma Pessoa Infinita (Deus), somente uma Pessoa Infinita para redimir tal culpa – vive para nos alimentar de amor e de entrega, á semelhança do que Ele mesmo ensinou e fez.

Celebramos, por consequência o amor, que Jesus deixou, e que devemos viver como comunidades e filhos de Deus – que é Amor, como nos diz o Evangelho.

Não conhecemos a Deus? Ele é amor. E se assim o é, então todo o gesto feito por amor, com amor, é para a fonte do Amor, e agrada-o!

Torna-se necessário purificar o verdadeiro sentido de amor, que não se deve confundir com o gosto. Podemos gostar hoje, e amanhã já não; mas amar de verdade, jamais deixará de ser amor, porque o amor tudo pode; tudo suporta; transforma o que parece rígido e imutável; aquece corações e destrói barreiras muito grandes!

Quem consegue amar desta maneira – isto é, de forma desinteressada, e apesar de tudo, ou acima de tudo – está em Deus e Deus nele, porque onde há amor, aí está Deus.

Então já poderemos dizer que conhecemos a Deus, e que uma das dinâmicas para entrar no Reino de Deus, e para aceitar os desafios de Jesus, é o amor.

Reparemos nas nossas vidas. Quando fazemos uma coisa por amor, não nos arrependemos, achamos que foi bem merecido, e isso provoca-nos uma satisfação maravilhosa no coração. Ora, quanto mais não agradará ao Senhor Jesus que nos amemos uns aos outros, cumprindo o que Ele nos mandou.

Jesus manda fazer para nos ver felizes, ao contrário do que muitos pensam que é um capricho ou algo contra a nossa própria natureza ou condição de vida.

Deixemos que o mundo grite e esperneie, mas fixemo-nos em Jesus, no sangue quente de amor que sai do Seu Imaculado Coração, que banha e sara as feridas dos nossos corações cansados e tristes das jornadas da vida!

Aceitemos a proposta (“jugo suave”) de Jesus, que mais não é do que o eterno lava-pés aos irmãos (começando nas nossas casas, famílias e empregos), e veremos que, a carga da vida levada a dois – tu e Jesus – será mais leve, e dará mais alegria em levá-la.

 

 

 

PODCAST

ESCUTE O EVANGELHO DE HOJE

Com A.Rezendes

 

* às 06:00

Copyright © 2007 XtoPalavra / Todos os direitos reservados

DIOCESE DE ANGRA

Portugal - Açores

 



+Liturgia desta semana

+ Fidelidade ao Evangelho -...

+ A pessoa é o mais importa...

+ SOLENIDADE DE TODOS OS SA...

+ SOLENIDADE DO SANTÍSSIMO ...

+ SANTÍSSIMA TRINDADE - ANO...

+ O MESSIAS - 6ª feira IX T...

   

Facebook   MySpace     Twitter

 

     

You Tube   Newsletter     CEP

 

    

    Hi5      Messenger   Picassa

 

         

  Ajuda          RSS      Rádio XTO



<p style="text-align: center"><img style="border-left-color: black; border-bottom-color: black; width: 127px; border-top-color: black; height: 52px; border-right-color: black" height="58" width="159" border="0" alt="" src="http://fotos.sapo.pt:80/30u74ZmEU3rEKLHpw4Gu/s320x240" /></p>

3D Imenu in blue Preview





Recebemos este

presente, recomendado

por Ecclesia Dei.

Obrigado João,

Deus lhe abençõe!